Açaí

Originária de uma palmeira que cresce nas várzeas do Rio Amazonas, o açaí é uma frutinha arredondada e muito roxa, quase preta, lembrando uma jabuticaba pequena. Tem uma caroço proporcionalmente grande e pouca polpa. Açaí, em tupi, provém de a-çaí, o fruto ácido ou então de iá-çaí, o fruto que chora.

Tem um lugar muito importante na alimentação do brasileiro, por ser muito nutritivo e riquíssimo em vitaminas naturais (A, B1, riboflavina, niacina e vitamina C).

Sendo típico da Amazônia, espalha-se por toda a região, chegando ao Maranhão, Guiana e à Venezuela.

O açaizeiro (Euterpe Olerácea Mart) é largamente utilizado na Amazônia, pelo homem rural e urbano. Ele pode ser usado na construção de casas, como adubo, alimentação, etc.

O açaizeiro da o açaí, uma frutinha arroxeada, quase negra quando madura. Trata-se de um pequeno coco de onde é extraído, por maceração, o tradicional e bastante apreciado "vinho ou suco de açaí".

O açaí, transformado em suco, possui um grande mercado em toda a região amazônica, alcançando uma cifra de consumo fabulosa, estimada entre 100 mil a 180 mil litros por dia apenas na cidade de Belém.

Tradição provavelmente herdada dos grupos indígenas amazônicos, o açaí ocupa, atualmente, um papel básico na alimentação da população regional. É consumido a qualquer hora, sob a forma de refrescos e sorvetes, com ou sem açúcar; pela manhã, em substituição ao leite, sendo inclusive oferecido às crianças pequenas; em todas as refeições, engrossado com farinha d'água ou de tapioca, acompanhando peixes e camarão seco, carnes e arroz com feijão, ou ainda puro, quando não há outra mistura.

Usos medicinais:

• as raízes, empregadas como vermífugos
• o palmito, em forma de pasta, atua como anti-hemorrágico, quando aplicado após extrações dentárias
• é rico em lipídios e vitamina E, que ajuda a combater os radicais livres.
• A alta concentração de fibras melhora as funções intestinais, percebidas em duas semanas de consumo.
• A presença de vitamina B1 e o teor elevado de pigmentos anticianianos que são antioxidantes, favorece a circulação sanguínea.
• Seu componente mais importante é o ferro, indicado no tratamento de anemias e fortalecimento muscular.
• Anticancerígeno.


Curiosidades:

• Entre os indígenas os vinhos eram consumidos por ocasião de festas sociais como comemorações, nascimentos, batizados, etc. Além dos indígenas, ainda eram consumidores dos vinhos os ribeirinhos e os moradores dos Estados do Pará, Amazonas, Acre e Pará.
• Podemos dizer que o hábito de consumir açaí é herança dos indígenas, tornando-se popular o uso da fruta a partir da chegada dos portugueses.
• É a fonte de renda de muitas famílias no estado do Belém do Pará.

Fontes:

http://www.igeo.uerj.br/VICBG-2004/Eixo1/e1_040.htm
http://negocios.amazonia.org.br/?fuseaction=noticiaImprimir&id=177078
http://www.fcecon.am.gov.br/programas_02.php?cod=2674
http://batuquenacozinha.oi.com.br/nutricao.php?nutricao_id=73
Dr. Flavio Rotman, A Cultura Popular pela Comida, 17ª ed.,Editora Record, Rio de Janeiro. 1997.


<< anterior

[Cesta de Frutas]
próxima >>