Laranja

Fruta originária da Ásia, especialmente da China e do arquipélago Maláio, é o nome genérico dado a várias frutas que pertencem ao grupo dos citrus (dentro deste grupo estão também o limão, a lima, a cidra, o grapefruit, etc.). Quase todas as variedades de laranja têm forma arredondada, casca fibrosa e polpa suculenta. Contém vitamina C e ácio fólico. A laranja possui minerais como cálcio, fósforo e potássio, que fazem uma boa fruta para o consumo nos dias quentes, pois, alem de refrescante, repõe energias.

Contém ainda fibras (pectina, encontrada na pele que envolve os gomos), flavonóides e óleo, que aumentam seu valor nutritivo.

É considerada a melhor fonte de vitamina C. Duas laranjas por dia fornecem a quantidade de vitamina C de que o organismo precisa. Quanto mais ácida for a laranja, maior é o seu conteúdo de vitamina C. 100g de laranja fornecem 64 calorias. Seu suco apresenta propriedades laxativas devido à presença de fibras. Aconselha-se consumir a laranja com bagaços para auxiliar no funcionamento intestinal e na redução de colesterol sanguíneo.

Auxilia o organismo a absorver o ferro de outros alimentos, a combater estresse e alergias, a diminuir as taxas de colesterol e o risco de alguns tipos de câncer. Aos enfermos de gota e diabéticos, recomenda-se esta fruta, pois é rica em sais minerais e substâncias neutralizastes, influindo favoravelmente na eliminação do ácido úrico.

Depois da banana, a fruta mais procurada e apreciada pela espécie humana é a laranja.

No Brasil, as variedades mais cultivadas e conhecidas são: laranja da baía, laranja-pêra, laranja-barão, laranja-da-terra, laranja-lima, laranja-seleta.

Como Comprar:

Na hora da compra, dê preferência às laranjas mais pesadas, pois são as que têm maior quantidade de suco. Verifique se a cor está de acordo com a variedade, porque mudanças na coloração indicam má qualidade da fruta. Alguns tipos de laranja têm a casca lisa, e outras, porosa. Nas primeiras, quanto mais fina for a casca, mais suculenta é a fruta. Nas variedades de casca amarelo-forte, manchas marrons são indício de que a fruta está bem doce e suculenta. A laranja-seleta deve ter um pedacinho de galho, sinal de que foi colhida corretamente. Em geral, a fruta boa para o consumo deve ser bem firme, sem ceder à pressão dos dedos. Também é possível comprar suco de laranja enlatado, concentrado ou congelado. A geléia ou a casca cristalizada ou em compota são outras formas de industrialização da laranja. As essências e a água de flor de laranjeira são encontradas em farmácias especializadas.

A laranja deve ser conservada em lugar fresco e arejado, de preferência fora da geladeira. O suco enlatado ou congelado precisa ser mantido no congelador. O suco pronto pode ser conservado na geladeira, mas perde toda a vitamina C.

Uso medicinal

Ácido úrico,: Recomenda-se substituir refeições pela laranja, exclusivamente. Pode-se substituir o desjejum ou jantar, durante vários dias.
Apetite: Cerca de duas horas antes da refeição, recomenda-se chupar uma laranja do tipo seleta, bahia ou pêra.
Constipação intestinal: Recomenda-se chupar algumas laranjas por dia, e comer o bagaço, bem mastigado. Pode-se fazer uma refeição exclusiva de laranja, comendo-se o bagaço.

Dor de cabeça: Dores de cabeça precipitadas pela hipoglicemia e pelo esgotamento podem ser aliviadas chupando-se uma ou duas laranjas. O diabético só deve fazê-lo com permissão médica.
É depurativa do sangue.
É eficiente contra o artritismo.
É bom remédio para a asma e muito benéfica para as vias respiratórias.
É um estimulante dos órgãos digestivos. É também laxante.
É calmante do sistema nervoso.
É recomendada em casos de histerismo e neurastenia.
É indicada nas nevralgias.

Fonte:
http://www.hortifruti.com.br
Alfons Balbach e Daniel S. F. Boarim , As Frutas na Medicina Natural
http://www.hortalimpa.com.br/curiosidades/ameixa.htm
Acervo do Prof. Paulo Bodmer


<< anterior

[Cesta de Frutas]
próxima >>